quinta-feira, 21 de outubro de 2010

A gata-pingada

Francamente seus ordinarões. Aposto que, ao lerem o título, essas mentes porco-bardajonas imaginaram logo uma gaja em pose felina acabadinha de ser alvo do jacto do Patife e a pingar meita por todo o lado. Não foi!? Não!? Não mesmo? Devo ter sido só eu, então. Azar o vosso. Mas não foi nada disso. Estava descansado numa festa passada no casarão de um grande amigo a votar no rabo mais empinado pois naquele dia tinha passado a tarde toda a compilar os anais do pós-modernismo e fiquei para aí virado. Para os anais, não para o pós-modernismo. A nádegas tantas passou uma pandeireta que se via claramente que tinha um belo andamento. Era certamente um grande Cu Lectivo. E eu queria aprofundar a lição. Começámos a falar e poucos minutos depois fiquei com uma singular sensação que costumo apelidar de PEGA - Picha Enfiada Garantida no Ânus. É que ela era alentejana e essas estão bem habituadas a apanhar na azeitona. Enquanto a regava com aquele whiskey japonês – a maior pomada que alguma vez provei – irrigava o Pacheco com as imagens que se sucediam na minha cabeça a esventrar aquele Admirável Fundo Novo. A dado momento a conversa descambou. Lá nos esgueirámos para dentro de um quarto, ela subiu o vestido e meteu-se logo a jeito. Claro que assim que a vi de rabo alçado tratei de a sossegar: Oh filha, isto não é assim. Para teres sexo anal com o Pacheco é preciso fazeres vista grossa. Ela nem estremeceu por isso achei que ela ia ser capaz de aguentar o fardo do estrafego rabal. Mas no preciso momento em que o Patife estava a pensar rematar a coisa e começa a dar uma sequência de bombadas digna de um caça americano ela desvia a bilha e rouba-me o orgasmo prometido, levando apenas com um pinguinho em cima. Oh gata-pingada, não se rouba um orgasmo assim, pensei. Mas perante tal afronta roubalheira apenas soltei um significativo: Ah... ladra! E então ela começou a ladrar. É que a uivar ainda estou acostumado a ouvir pois serem invadidas até aos fundilhos aqui pelo maltrapilho pachecal é coisa de comer e uivar por mais. Agora ladrar? Só veio reforçar a convicção de que ela era mesmo uma grande ladra pois roubou-me o tesão todo. Ainda para mais ladrava como um caniche de pêlo encaracolado e não me custou imaginá-la com um tufo no rabo e com um totó cor-de-rosa a pender-lhe na cabeça. Por isso dei-lhe uma condescendente palmadinha nas costas enquanto dizia: Pronto... deixa lá... agora podes descansar à sombra da minha bananeira.

42 comentários:

Stargazer disse...

Mauvais Mac,

Os bocadillos, perdão, pecadillos, ou melhor, trocadilhos que nos serves na ementa gourmet da tua escrita põem qualquer papila gustativa aos saltos por mais!

Então a referência a Aldous Huxley...

"An intellectual is a person who's found one thing that's more interesting than sex."
(from the same author!!!)


"You're just 2 good 2 be true"...

...and as such

..."I can't take my eyes of you"

(unfortunately only the eyesight FOR NOW)

Kiss,

Patife disse...

Stargazer:
O Patife é um gajo que sempre assumiu que gosta de dar nas "vistas". ;)

Lolita disse...

Minha querida Stargazer,
Isso é amor??!! Deixa-te dessas coisas, carago!! olha que ele é um Patife!! hehehe

Patife,
És um Bardajão!!! hehehe
Continuo a ler, e a saborear!
A leitura! A leitura!! Sua mente porco-bardajona!

EU SOU EU disse...

Patife... como habitual leitor...o melhor elogio que posso dar é... Ri tanta e com tantas gargalhadas...que acho que até larguei um pinguinho...na cueca...hehehehe...Fantástico... acho que poderias...mudar o teu horário para deleite dos teus fãs...para as 2ª 4ª e 6ªfeiras...

seria fabuloso...
um abraço

Patife disse...

Lolita:
Gosto que saboreiem a leitura. Se bem que para o Patife a leitura é o leite de uma verga dura. ;)

EU SOU EU:
Um pinguinho na cueca fica um brinquinho. Vou pensar nisso. O deleite nos fãs é coisa que me agrada. ;)

S* disse...

Eu por acaso pensei numa gaja com o período...

VM disse...

os trocadalhos que tu dás, cada vez que o Pacheco bomba, a mim, só me dá vontade de pinar a empregada do café, quando a mesma me leva o pingado, logo pela manhã (boa pandeireta, boa tranca, o dobro do pingado, topas?)

forte abraço!

;)

Patife disse...

S*:
Ahahahah. Ora aí está uma coisa que o Patife se esforça por não pensar. ;)

VM:
O Patife gosta de saber que incentiva ao pinanço com os seus trocadilhos. Faz-me sentir um pinga-humor. ;)

Stargazer disse...

Lolita (com a permissão do dono da casa):

Isto não é só amor. Isto é:

(pelo Mauvais Mac):

Sedução
Tara
Amor
Romance

(pelo Bad Guy):

Gulodice
Ânsia
Zénite da Paixão
Ele (The One & Only)
Rebuçado (em ponto de!!!)

será possível???

Claro que ele é um Patife. Por isso ele faz "Patifarias no Chiado".

Haverá melhor que isso?

Beijo para ti,

:)

Barão Mervelho disse...

Gosto mesmo é de ensopado à pastora.

Isabelle disse...

Stargazer e Patife juntos deve dar outro 1755 lá em Lisboa!

Patife disse...

Barão Mervelho:
O mais perto que estive de comer uma pastora foi quando papei a pasta de uma professora. Mas a ver se este fim-de-semana provo uma dessas. ;)

Isabelle:
Ahahahahahah. Ai o meu rico Chiado. ;)

Guga disse...

gosto muito de PEGA´s. ahahahahah

Stargazer disse...

Mauvais Mac,

Agora assustei-me. Pensei que irias dizer: "ai o meu rico Pacheco"!!!!

:)

desejo disse...

«Ah... ladra!». A língua portuguesa tem destas coisas. Ladras, pastoras, professoras, quem não comeste ainda?
E o teu Pacheco é, com certeza, uma banana saborosa.
Adoro bananas!
Adoro fruta!

desejo disse...

«Ah... ladra!». A língua portuguesa tem destas coisas. Ladras, pastoras, professoras, quem não comeste ainda?
E o teu Pacheco é, com certeza, uma banana saborosa.
Adoro bananas!
Adoro fruta!

oral_muito_melhor_que_palavras disse...

A pingar a pingar lá se foi o orgasmo, a PEGA está bem esgalhada sim senhor.

Um abraço com a dita distancia higienica.

Continuo a ler . . .

Salvador disse...

Boa noite, Patife...

Lisboa, para nós Alentejanos, é Álem Tejo. Acaso não estará a falar de uma Álemtejana? Essas sim, pelo que oiço dizer, é que gostam de levar na azeitona.
Mulher alentejana gosta mesmo é de levar na vagina.(Porra! Ia dizer cona, que também rima, mas ainda bem que não disse. Não me parece bem utilizar tal termo neste blog).

Como sempre, muito divertido o texto. ))

M. disse...

A maior fantasia do texto: "whiskey japonês" sem dúvidas!

Patife disse...

GUGA:
É uma boa entrada sim senhor. ;)

Stargazer:
Nada disso. O Pacheco aguenta tudo. ;)

desejo:
Falta-me uma astronauta, uma patinadora artística, uma violinista e uma Miss Azerbeijão. E sim. O Pacheco é muito saído da casca. ;)

oral_muito_melhor_que_palavras:
Bem esgalhada era com uma padeira que conheci em tempos. Estava sempre com a mão na massa. ;)

Salvador:
"Cona" aqui não, pá. Há limites. Eu é que não os imponho. Apenas "o" ponho. ;)
P.s: Adoro alentejanas.

Patife disse...

M.:
Não é uma fantasia. É uma iguaria líquida cara como tudo. Mas vale bem a pena. Parece que um japonês em 1870 passou meses na Escócia a aprender como se fazia e levou o conceito para o Japão. Alguma coisa correu mal, mas o whiskey ficou ainda melhor. "Yoichi 20 anos" é o meu preferido se quiserem oferecer. ;)

Vanda disse...

Temos todos é de fazer vista grossa para ler as aventuras do patife ahahahah

Patife disse...

Vanda:
Para receber os ensinamentos do Pacheco só com vista grossa mesmo. ;)

Isabelle disse...

Patife:
Sem desprimor pelo que aqui se lê, será que algum dia te vamos poder ler num registo mais sério? Anseio!

Felina disse...

Gata que é gata não ladra... arranha...

Amélie Bouvié disse...

Confesso que estou na correria meu querido. Volto com tempo para te ler.
Beijos.

TILIDA disse...

E as coisas não estão para melhorar!
O número de roubos tende a aumentar e,creio que,o de ladras também!
Lamento!Eu gosto de dar boas notícias...
Ah...Uma pergunta:sabes escrever sobre outro tema que não o que costumas escrever?Convém variar... Patife!
Bom fim de semana algures no chiado(raio de sítio)!

SÃO disse...

Estás a começar a levar no cangote...
HI!

Malena disse...

Era uma gata arraçada de rafeiro?? ;)

Libélula Purpurina disse...

Boa patife! Grande pique!

Petra Pink disse...

hehhehehheheh é de mais esta peste pa....

patriciaa. disse...

ao menos se fosse miar. ;)

Crises da Idade disse...

Apareço aqui todas as terças e quintas para me rir xD

hipérbole disse...

Só tenho pena de gostar de utilizar espartilhos apertados como vestimenta mais vezes do que devia, está na altura é de os saber tirar!
Obrigada por estares atento aos textos (:

Lolita disse...

Stargazer,
Agora é que o caldo está entornado! Pronto!!
hehehe
Beijo ;))

Patife,
Eu estou com a Isabelle, gostava de ler o Patife num registo mais sério ;)

DRAGON disse...

Espero o registo mais sério o que não significa que não goste deste...

Patife disse...

Isabelle:
Este Patife tem medo de coisas sérias. Ainda ontem à noite tive de explicar isso à mocita que já queria ficar a dormir. ;)

Felina:
Não me importo que arranhem desde que abocanhem. ;)

Amélie Bouvié:
Desde que volte e torne a voltar o Patife fica satisfeito. ;)

TILIDA:
O Fode fode Patife é um espaço criado para o Patife contar as suas patifarias. Daí o nome. E neste contexto, "mudar de tema" é sinónimo de mudar de gaja. Ou, vá, de orifício. ;)

SÃO:
Mas é um cangote são. ;)

Patife disse...

Malena:
Ahahahah. Era arraçada de rafeira, era. Mas o Patife é arregaçado da mangueira. ;)

Libélula Purpurina:
Para suster o meu pique só uma boca do tamanho de um dique. ;)

Petra Pink:
E o melhor é que não me esforço por isso. ;)

patriciaa:
Miar seria assim a atirar para o fofinho. Não. Continuava a ser estranho. Fofinho seria ronronar. ;)

Crises da Idade:
É a melhor terapia para as crises de qualquer idade. Obrigado e bem-vinda. ;)

hipérbole:
O Patife adora espartilhos de vestuário quase tanto como detesta espartilhos mentais. ;)

Lolita:
O Patife acredita. Mas o Patife tem medo de registos sérios. Para isso já basta a realidade. Aqui é para flutuar como bola de sabão e nas bolas do sardão. ;)

DRAGON:
Também acredito. E recebo essas sugestões como um elogio. Mas o Pacheco já está aqui aos saltos com medo que lhe tirem o protagonismo. Não o posso deixar ficar mal pois ele também nunca me deixou ficar mal. ;)

Isabelle disse...

'Ter medo de coisas sérias' não é coisa de homem que escreve assim, paradoxalmente!

TILIDA disse...

Eu nem digo nada,não há remédio para ti...Vou pensar num manipulado!
Boa ideia?

Patife disse...

Isabelle:
Não é bem medo, vá. É urticária psicossomática. ;)

TILIDA:
Boa ideia. Até porque "manipulado" é o Pacheco que anda sempre a pular de mão em mão. ;)

█► JOTA ENE ◄█ disse...
Este comentário foi removido pelo autor.