quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Mundo do faz-de-cona


Numa destas noites tive uma insónia intensa. Por isso pus-me a contar as pachachinhas que já comi ao longo da vida. Uma pachachinha… duas pachachinhas… três pachachinhas... quatro pachachinhas… cinco pachachinhas… O pior é que eram tantas e tão boas que em vez de chamar o sono acordei o Pacheco. Por isso lá tive de me vestir e ir para a rua. Nem duas esquinas tinha dobrado e encontrei logo um canhão de deboche. Por isso fiz-me ao broche. Toda ela prometia um paraíso de devassidão, um Éden de depravação, um Olimpo de perversão. Mas assim que meti conversa com ela depressa me percebi que apesar da sua essência anunciar uma embaixadora da libertinagem sexual, só se entregaria ao Pacheco se houvesse vestígios de uma relação séria a pautar a eternidade. Divirto-me muito com estes idealismos próprios dos mundos do faz-de-conta. Como eu vivo no mundo do faz-de-cona havia ali um litígio latente, mas fiz-lhe a vontade e arrebanhei-a com alusões ao futuro. Assim que lhe espeto o Pacheco a moça ficou logo à beira do precipício orgástico. Dois segundos depois desmanchou-se a vir. Gostava de ficar com o ónus do orgasmo supersónico que lhe proporcionei mas acredito que a magana já não levasse nas bimbas há uns anos valentes, dado que se veio em duas bombadas precisas. Meti e tirei, meti e tirei. Foi assim, sem tirar nem pôr.

21 comentários:

nAnonima disse...

Não há para aí um Faz-de-Pila?

Ai, querido Patife, hoje demoraste tanto a vir...

Mariavaicomasoutras disse...

Ah!Ah!Ah!
Faz de cona o tanas...diz a verdade saiu-te um travesti!(ai malandro que te vasei)

Kapikua disse...

e não valia mais teres fodido os colhões ao murro?

Skin n Under disse...

Talvez tivesse taras por Pachecos. Aposto que se chamasse Coelho a frigidez se instalasse. Manias...

Patife disse...

nAnónima:
Há um Ás de pila. E sim... O Patife gosta muito de deixar a água na boca. A água e o Pacheco. ;)

Mariavaicomasoutras:
Infâmia! O meu chonadar é infalível. ;)

Kapikua:
Tenho artroses nos pulsos. Ah, e também gosto muito de chona. ;)

Skin n Under:
Não há frigidez que resista ao meu grandioso bacamarte. ;)

nAnonima disse...

água?... pois, prefiro leite. (com chocolate). ainda estou a crescer :)

beijinhos ao pacheco (continuo, ansiosamente) à espera que ele me declame poesia junto ao ouvido... ai...

POC disse...

Só quero vir aqui dizer que és um dos meus Role Model.

desejo disse...



Sem comentários.
Demais!

:)

Patife disse...

nAnónima:
Poesia do Pacheco? É um deleite. ;)

POC:
E eu que pensava que era um Fuck Model. ;)

desejo:
Demais é o tamanho do Pacheco. O resto são só palavras. ;)

Malena disse...

Estás a perder qualidades... Então nem te contiveste para um fazer de cona a duplicar???

S* disse...

Bom, assim tão rápido não tem piada.

Xanfradinha disse...

Para a próxima tens de ir-te e vir-te em slow motion ;)

Patife disse...

Malena:
Ahahah. Foi parecido. Fiz de cona e fiz-lhe a cona. ;)

S*:
É precisamente o que eu acho. Uma coisa deste tamanho é para aproveitar como uma maratona, e só desmontar após claros sinais de fadiga extrema. ;)

Xanfradinha:
"Pinar" e "slow motion". Ora aí estão dois termos que o Patife não sabe conjugar na cama. ;)

JONAS disse...

LOLOLLOL. ADORO OS TEUS TROCADILHOS.

Anónimo disse...

Ei.............

És bué da Crazy!!!!!

Clint disse...

Há uma coisa, entre outras, que eu aprecio Patife... aqui não se diz que este blog cumpre ou não cumpre o acordo ortográfico... aliás "esbodegar uma crica" não obedece a acordos, mas apenas à mestria de um competente Pacheco...
Vem isto a propósito do faz-de-cona... faz -de-cona ou faz de cona... chega-lhes patife a mim tanto me faz...
"O texto do Acordo Ortográfico de 1990, nas alíneas relativas à ausência de hífen em
locuções... é praticamente idêntico ao texto... do
Acordo Ortográfico de 1945..."
Afinal há coisas que nunca mudam...

Patife disse...

JONAS:
Eu cá prefiro aviar fundilhos. ;)

Anónimo:
Tanto na mesa como na cama. ;)

Clint:
É como a qualidade do Patife na cama: É coisa que nunca muda. E tem sempre um grande travessão. ;)

► JOTA ENE ◄ disse...

Num mundo faz-de-conas não te livras do novo imposto criado por este governo (vidé o meu tasco). Prepara-te porque vais ser taxado, eheheh !!

Patife disse...

► JOTA ENE ◄:
Ohhh nãããããoooooooooooo! (Eco até à eternidade). ;)

xarmus disse...

Heheheheheh... faz-de-cona que me desmanchei a vir... latentemente.

Patife disse...

xarmus:
Estou sempre a fazer-de-cona. É muito divertido. ;)