quinta-feira, 22 de abril de 2010

Abram alas para o Patife

Se há coisa que eu gosto de encontrar é uma AD. Pronto, para os meninos que dobram o pijaminha e que se interrogam mas que raio é uma AD?, eu explico: é uma Anal Demon. São cromos difíceis de encontrar. Mas garanto que valem a pena. São mulheres que se apresentam como uns autênticos demónios do anal. Lúciferes do beco de trás. Belzebus fixados nos seus cus. Rameiras que não se contentam com qualquer raminho. E para as contentar está aqui o Patife, pois claro. Mas não pensem que é fácil engatar uma. Elas estão sedentas de se sentirem um franguinho no espeto, é um facto, mas sabem que têm um valor incalculável e então armam-se em difíceis. Por isso, um tipo tem de lhes dar trela antes de lhes atirar o pau. Um pouco como o Putxi, o canito da minha infância. Às vezes esquecia-me de lhe soltar a trela quando lhe atirava o pau e o desgraçado sufocava mais do que a tipa que ontem me abafou o ponteiro. Continuando, que eu por vezes disperso-me. Estava eu a dar trela à AD e ela sempre a provocar a ver se eu fraquejava. Mas se há coisa em que eu sou bom é na prova anal. Passo (e trespasso) sempre com distinção. Por isso lá consegui acesso ao seu quarto (das traseiras) e a brutalidade demoníaca foi tal que de pouco me lembro. Recordo-me apenas de, a nádegas tantas, perder os sentidos enquanto pensava: Agora é que esta porca torce o rabo.

18 comentários:

Mia Capgras disse...

Patife patife...Que mal educado!Já ganhaste a minha estima!
E obrigado pelo elogio na tasco!A próxima rodada é por minha conta quando lá fores.

Um beijo,
Mia

Doce Veneno disse...

Ena ena.
Finalmente algum sentido de humor!

Já fazia falta nesta blogosfera.

Obrigado pela visita!
Beijo

Patife disse...

O Patife, se fosse uma menina burlesca, teria corado com a simpatia das palavras. Mas como não é, armou-se em pavão, encheu o peito de ar sorrindo de soslaio ao espelho e disse para si próprio: "Ah ganda Patife."

S* disse...

Bem, é a loucura. Mas diz que não é mau.

retiro o que disse... disse...

Não podia ter ficado mais "agarrada" a estas escrituras.

Adorei o teu bom senso e a tua brutalidade. lol

Continua.

bj*

Patife disse...

S*: Não é mau. É patiforiamente bera.

Retiro o que disse...: Ai não retiras não, que o Patife apreciou as palavras e não deixa que sejam retiradas.

Gingerbread Girl disse...

Parabéns pelo feito, pá!

Boas nalgas te vejam.

*

Curiosa disse...

Por que patifarias somente de terças às quintas?

e por que não todos os dias?

rsrs

grata pela visita e pelas belas palavras ..
bj

Patife disse...

Gingerbread Girl:
Aahahaha. O Patife adora a ideia de ser visto por "nalgas". O lado exibicionista do Patife bate palmas.

Curiosa:
Porque o Patife só consegue dominar o corpo residente às terças e quintas. Nos outros dias, o corpo residente está ocupado com gajas de todos os tamanhos e feitios.

Alentejano disse...

Dá-lhe na peida sem dó nem piedade!!!

Alentejano disse...

Será que a Curiosa não é gulosa?!!!

carpe vitam! disse...

então e o Patife, abre as alas para alguém?

Patife disse...

carpe vitam!: O Patife é homofóbico e não aprecia rabetices.

carpe vitam! disse...

isso já eu calculava pelo teu discurso. mas nem para mulheres?

Patife disse...

O Patife é um cavalheiro que não anda para aí a contar o que faz com as mulheres. Cof cof.

carpe vitam! disse...

isso és tu a desconversar. o que tu fazes com elas já percebi, o que eu gostava de saber é o que elas fazem contigo... ;)

Loulou de Lyon disse...

Ai meu patife, havias de passar pelos folhos da Loulou para veres o que é bom para a tosse. Meu sacaninha. Beijos, bebé

Anónimo disse...

oh men, conheço centenas de gajos como tu...
armam-se em patifes mas se qd chegam ao momento são altos cócós !
òh men, tu deves er sonambulo e vens escrever enquanto tas a sonhar é que não me acredito em nadinho do que escreves xD