terça-feira, 9 de novembro de 2010

Mulheres sem sentido de humor tiram-me o tesão

Hoje não me apetece escrever patifarias. Desculpem lá os que cá vêm para ter erecções matinais, os que apenas se querem rir, as que vêm para ficar molhadinhas, os que ainda conseguem ser mais parvos que eu, os que têm a mente suja e a boca limpa, os que têm a boca suja mas a mente limpa ou mesmo os que passam por aqui apenas porque sim. Não me apetece. E não me apetece porque estou deprimido. Sou um pouco como as crianças a quem não se pode roubar um doce. E ir jantar com uma mulher e no final não a afinfar é coisa que me deprime. Quando um tipo paga o jantar é certo e lambido que no final tem de haver festa rija. Devia ser uma regra social instituída. O mesmo devia acontecer quando se paga um copo. Mas um passo de cada vez. O jantar até correu bem durante os primeiros dois minutos. Depois disso ela pediu pão de alho. Gosto quando elas pedem pão de alho para entrada. Quando se pede pão de alho para entrada parece-me um sinal tão claro que só me apetece dizer: não queres trocar alhos por mangalhos? Achei uma razoável coisa para se dizer no início de uma refeição. Ela pelos vistos tinha opinião contrária. Mas o problema é que ela, para ir para a cama comigo, queria que eu lhe prometesse mundos e fundos. Mas achei pouco sensato da parte dela eu ficar com as promessas todas por isso tentei um acordo: Prometo-te mundos se tu me prometeres os teus fundos. Pareceu-me ser um negócio justo. Entretanto começámos a beber vinho e ela já parecia mais solta. Relaxou, deixou de pensar tanto e começou a falar da hipotética queca que eventualmente poderíamos dar caso eu lhe desse garantias de a respeitar na manhã seguinte. Mas deve ter-se excitado com a conversa e começou a dizer o que me faria. Aquilo aborreceu-me pelo que apenas lhe disse: Dizes isso só da boca para fora mas eu quero é ver o meu nabo da boca para dentro. E pronto. Lá voltou tudo à estaca zero. Mulheres sem sentido de humor tiram-me o tesão. Ainda pensei que conseguia dar a volta à questão mas da vasta ementa que tinha à frente escolheu a Cachupa. E mesmo sabendo que iria assinar a minha sentença não me consegui conter: Ai gostas de cachupa... Se gostas de cachupa está-se mesmo a ver que me queres dar uma chupa. Antes que ela pudesse dizer alguma coisa limpei os lábios, levantei-me e fui para casa.

74 comentários:

A Minha Essência disse...

Risos...

Oh Patife, mas pão-de-alho é muito bom!! Não sabes o que andas a perder.

Deixar uma senhora/menina a falar sozinha? Humm... não me parece sensato... ao menos acabar a refeição! É que senão ficas com a comida entalada pelo sapinho que foi engolido nos entretantos... ;)

Sol disse...

..." não a afinfar..."
Muito bom.

..."pão-de-alho para entrada."
Isso fez-me lembrar o teu post sobre como elas pedem o café, quem pede pão-de-alho quer logo levar com o vergalho, dispensa preliminares, ainda vais tu discutir quem dá mundos em troca de fundos...
estás a perder qualidades Patife.

Dora disse...

15 minutos comigo e caías para a frente!

Louise disse...

Lamento que a noite te tenha saído furada Patife.
E pedir pão de alho como entrada é claramente uma demonstração da não preocupação com o hálito... ou com os beijos que poderão vir no seguimento da refeição.

VM disse...

uma duvida:

quem é que no seu perfeito juízo pede pão de alho e depois alinha numa cachupa? Isso é o mesmo que comprar vaselina pó cu e afinal ela só queria azeite para temperar... algo aqui está errado!

:s

Patife disse...

A Minha Essência:
Ficar com a comida entalada em vez de ficar com o nabo entalado é coisa para fazer birra. E como a minha mãezinha sempre me mandou para o quarto quando estava de birra, foi isso que fiz que sou muito bem educado. ;)

Sol:
Ahahahah. Não me importo de perder qualidades porque tenho aqui uma verga de grandes quantidades: ;)

Dora:
KO técnico? Tens técnica para meter o Patife KO? ;)

Louise:
Isso queria eu: que a noite tivesse saído com ela toda furada. Mas concordo contigo. Quem pede pão de alho não está a pensar com romantismo. ;)

Patife disse...

VM:
Claro que alguma coisa aqui está errada. Quem é que no seu perfeito juízo não vai para a cama com o Patife? ;)

Marta disse...

:)

Patife disse...

Marta:
Gosto quando sorriem para mim. Gosto. Ainda mais quando estou deprimido por ter voltado para casa sozinho. ;)

Dora disse...

Pensei que já tinhas a resposta a isso:-)

Patife disse...

Dora:
Isso é coisa que tem de ser provada. ;)

Mariavaicomasoutras disse...

Patife...tu queres é Alho meu lindo!

Patife disse...

Mariavaicomasoutras:
O Patife apenas quer meter o alho de molho. ;)

A Pipoca mais Ordinária disse...

Patife, meu ordinarolas, eu já toda contente, pensando que nos irias presenter com algo mais sério, menos ordinário, e ao fim e ao cabo, levámos mais do mesmo!!!
Foge-te o Pacheco para a vontade!!
não é???!!

Aguardo ansiosa, por esse texto... hei-de dar-te tanto cabo dessa cabeça, a de cima, amor, que hás-de fartar-te e fazer-me a vontade!! ;))

anouc disse...

O Patife está furibundo. :|

Patife disse...

A Pipoca mais Ordinária:
Ahahah. Lá está. A sábia teoria de quem não chora não mama. Pode ser que resulte. ;)

Anouc:
Estou furibundo, estou. Estou furioso porque não lhe fui à bunda. ;)

Lady Dragon disse...

O pãp de alho não estraga o hálito, além disso mesmo que estragasse, acho que o Pacheco não ia dar conta disso, ele quer é coisas bem feitas.

Bjs
E.

Stargazer disse...

Mauvais Mac,

Je suis desolée...

Fazendo do teu perfil um quote aproveitável digo-te que estarias melhor no célebre Threesome:

Tu, a Retiro e eu. Todos a lermos Henry Miller.

Até porque, Mulher que se preze, faz contas à moda do Norte. Isto diz aqui a Mourinha, ou seja, o diminutivo feminino da Special One!

Beijo assim à laia de petit four para compensar :)

Felina disse...

Amuado mas lembraste te de limpar os lábios, que limpinho

Patife disse...

Lady Dragon:
Não tenho problemas com alho no hálito desde que não se torne um hábito. "Coisas bem feitas" foi o que acabei de ver no Chiado. ;)

Stargazer:
Venha o threesome que o Patife é que está desolado. 48 horas sem sexo é coisa que não acontece ao Patife desde 1994. Ano em que estive internado uma semana. Mas saí de lá com uma enfermeira debaixo do braço. ;)

Felina:
Estando amuado até fica mais fácil de limpar os lábios. O Patife tem a mente suja mas o corpo, esse, está sempre num asseio de louvar. ;)

S* disse...

Meu amigo, poupasses o teu dinheirinho. Mas olha que não devias voltar as costas a um desafio...

desejo disse...

Depois de uma manhã fodid@, um início de tarde de gargalhada com este post. (hoje estou sozinha, posso rir-me à vontade).
Então a menina quis pão de alho? Ó patife quem pede alho quer o c@r@lho...
Ou querias uma chupa sem o cheiro a alho?
Cá para mim o pão de alho foi um pretexto para te escapares dela.
Cheira-me a alho, para não dizer a esturro. O vergalho estava sem sentido de humor. Tu pagaste o jantar e ela pagou a tua falta de humor.
Quinta-feira estarás com outra energia.

desejo

Stiletto disse...

Ai Patife, Patife... tanta patifaria e ainda não aprendeste que 1º vai ao castigo e só depois é que janta? Sempre me saíste cá um Patife assim pequenino....

MARIAS DE PORTUGAL disse...

Qual a relação de uma coisa com a outra?
Explica-nos mas devagarinho...

Patife disse...

S*:
Eu queria era que ela voltasse as costas ao meu desafio. ;)

desejo:
Assim espero. A meio do jantar já tinha perdido a vontade. uma mulher que não solta um valente gargalho não é digna do meu mangalho. ;)

Stiletto:
O problema é este: Depois do castigo consumado não tenho vontade de a levar a jantar. É assunto arrumado. ;)

MARIAS DE PORTUGAL:
A relação do sentido de humor com o tesão? Se é disso que se fala é simples: Uma mulher sem sentido de humor ordinário ou que não percebe a linha entre o ordinário puro e duro e o ordinário como opção humorística tira-me completamente a vontade de a afiambrar. ;)

TILIDA disse...

Que chatife ó Patiçe...
Assim não tenho qualquer hipótese contigo,ainda por cima (ou por baixo) não frequento o ChIadO...
Beijos deprimidos*

Patife disse...

TILIDA:
Ter sentido de humor é saber rir. Tanto por cima como por baixo do Patife. ;)

retiro o que disse... disse...

O Patife deprimido... E eu e a Stargazer disponíveis para fazer acontecer o milagre da descompressão...

Mas olha que deve ser do tempo.. do tempo que passas sem dar uma queca. 48horas sem afiambrar uma mulher e o Patife looks like a dog chasing his tail...


O Patife é para a falta de humor assim como aqui a menina Retiro é para a exigência de amor...

Beijo relaxante..

oral_muito_melhor_que_palavras disse...

Patife,

Após esse jantar aonde o pao de alho ( aonde tu nao comeste o pao e ela nao provou o alho) parece me que quem pagou com essa bodegada toda acabou por ser o pacheco, tiveste de ir para casa esgalhar o pessegueiro e ela limitou se a comer a chaupa no prato . . . .

Ele á dias que um gajo de manhã á tarde nao deve de sair a noite .

Um abraço com a distância higiénica.


Continuo a ler . . .

hipérbole disse...

Irresistível? Isso não resolve a minha curiosidade mas eu vou acreditar no Patife :)

hipérbole disse...

Irresistível? Isso não resolve a minha curiosidade mas eu vou acreditar no Patife :)

hipérbole disse...

Irresistível? Isso não resolve a minha curiosidade mas eu vou acreditar no Patife :)

J. disse...

oh patife, esta semana vou ver se te identifico no Chiado=P

Eduarda disse...

Concordo! Lol

Anónimo disse...

Ó patife, com a lábia do pacheco
ainda vais nessa!!!

Anónimo disse...

Ó patife, com a lábia do pacheco
ainda vais nessa!!!

desejo disse...

Retiro o que disse, esta está demais!

" O Patife é para a falta de humor assim como aqui a menina Retiro é para a exigência de amor..."

Libélula Purpurina disse...

Não vejo nenhum propósito nas birras a solo. O melhor da birra é o convívio... e o desbirramento... Mas de boa te livraste, Patife! Está visto que essa não era mulher para acompanhar a tua subtileza linguística...

Carolina Tavares disse...

Ahhh... eu venho para ficar molhadinha...

Bom humor é afrodisíaco e digo mais se a mulher quer dar ela dá.

Beijos Patife.

Lili disse...

...não entendo uma coisa : só te apercebestes que ela não tinha sentido de humor uma vez dentro do restaurante ? Costumas fazer uma bem melhor leitura das mulheres...
Bem...resta a possibilidade de a teres encontrado pela primeira vez á porta desse mesmo restaurante.

Patife disse...

retiro o que disse...:
Venha de lá esse milagre! Mas olhe que a exigência de amor é coisa perigosa e nefasta. ;)

oral_muito_melhor_que_palavras:
O Pacheco teve de se contentar com a vizinha do segundo esquerdo. Há sempre um plano B. ;)

hipérbole:
O Patife é uma espécie de super-herói do pinanço, por isso, segundo as normas de conduta dos super-heróis, tenho de andar disfarçado. ;)

J.:
Isso é fácil. O tipo mais charmoso e irresistível, com sorriso de malandro, copo de whiskey na mão e olhos atentos é o Patife.

Eduarda:
Tu concordas e eu ontem estava com a corda toda. ;)

Anónimo:
O Pacheco recolhe-se com a falta de humor. Uma mulher que não sabe rir também não se sabe vir. ;)

Libélula Purpurina:
O Patife gosta de tratar de birras e de birrentas. Mas o contrário não deixa. ;)

Carolina Tavares:
Ahahahahah. Acho muito bem. Eu sabia que havia molhadinhas por aí. ;)

Lili:
Eu explico: Blind date. Não sou nada fá dessas coisas mas devia um favor a um amigo meu e fui jantar com a prima dele. ;)

Storyteller disse...

Pobre Patife.. Pobrezinho :P ahah

█► JOTA ENE ◄█ disse...

ººº
Todas te querem identificar, será que tens o registo criminal limpo? 【ツ】

retiro o que disse... disse...

Com todo o respeito que devo ao dono da maison, respondo:

Desejo:
Agradecida pelo reparo :)

Beijo docinho*

Patife disse...

Storyteller:
Snif... snif... Sou tão pobrezinho que o Pacheco está sempre a pingar. ;)

JOTA ENE:
O Patife tem o registo criminal limpo. Já o Pacheco tem um registo sexual muito sujo. ;)

desejo e retiro o que disse...:
Gosto tanto de vos ver em compadrio debaixo do meu olho. ;)

Sofia disse...

Patife, sinto muito. Muito mesmo. Sem sentido de humor, sem inteligência, sem presença...esquece!
Beijinhos,Sofia

retiro o que disse... disse...

A palavra "compadrio" dá-me a mesma sensação como quando oiço a palavra "tertúlia"... Não sei porquê.
Quer dizer, até sei... é da cabeça tão pouco preserva que tenho...

e compadrio debaixo do olho... pahhh...

Beijo Tertuliano

TILIDA disse...

Ter sentido de humor é também fazer rir,além de saber rir...Por cima,por baixo...Acrescento:..E de lado?
Ai Patife que estás a perder qualidades...
Sorte tua não seres o que pareces...
Beijinho*

AFONSO R: disse...

Qual a moral da história?

Patife disse...

Sofia:
O Patife também sente muito. Na ponto do nabo, então, sente imenso. ;)

retiro o que disse...:
Gosto de tertúlias, de compadrios e de vos ter debaixo do olho. Mas confesso que prefiro meter dentro do olho. ;)

TILIDA:
De lado não gosto muito, confesso. Faz-me cócegas. Quanto a perder qualidades desacordo em absoluto. Para as perder precisava em primeira instância de as ter. ;)

retiro o que disse... disse...

Afonso:
Desculpa, mas quem é que procura moral nas histórias do Patife???
loool não resisti...

Podes castigar-me Patife..

Patife disse...

AFONSO R::
A moral da história não sei, que aqui não se aprende nada. Sou mais versado a relatar o imoral das histórias. ;)

Patife disse...

retiro o que disse...:
Serás severamente castigada por interromperes a conversa de homens. ;)

retiro o que disse... disse...

Quando começam os trabalhos forçados?

DeepGirl disse...

O que é feito de sexo após o 10º encontro? Devias de ter um jantar comigo... Eras capaz de esbugalhar os olhos com os nervos :).

Patife disse...

retiro o que disse...:
Na verdade prefiro trabalhos chupados. ;)

Mariavaicomasoutras disse...

Patife...esbugalhadíssimo ficava-te o (ô)lho se esta Maria se juntasse com a Profunda(DEEP) no recôndito do teu desmedido e frenético inferno carnal.

Patife disse...

Deep Girl:
Sexo após o 10º encontro!? Oh diabo. Eu nem conheço o conceito de 10º encontro. ;)

Mariavaicomasoutras:
O Patife nunca vira o Pacheco a um desafio. ;)

Mariavaicomasoutras disse...

Nuuuuunca?
Já o tenho visto muitas vezes cabisbaixo!

Patife disse...

Mariavaicomasoutras:
Heresia! O Pacheco está sempre cabiscima. ;)

hipérbole disse...

E tal como os super-heróis, o Patife salva o dia, ou talvez a noite !

DeepGirl disse...

Looooooooool. Ménage à trois, é um conceito pouco credível para os meus lados, mas com a Maria e o Pacheco, nunca se sabe LOOOL

Ricardo disse...

txé patife... e como acabou a noite? ficaste co nabo de molho? xD

Artemisa disse...

E lá ficou o Patife a chuchar no dedo. :)

Patife disse...

hipérbole:
Ahahah. Nem mais. Gosto quando acompanham a minha linha de raciocínio. ;)

DeepGirl:
Nesse campo o Patife é um gajo muito crédulo. ;)

Ricardo:
Foi. Meti o nabo no molho da minha vizinha do segundo esquerdo. ;)

Artemisa:
Nada disso. A minha vizinha de baixo é que me ficou a chuchar no cepo. ;)

Salete Cattae disse...

Pagou o jantar e não comeu!rs

;)

Patife disse...

Salete Cattae:
Ahahahaha. É indecente. Deveria haver leis que proibissem uma coisa destas. ;)

Barão Mervelho disse...

O 68º comentário à minha espera? Oh, isto é melhor que fusão de uma gheisha com alheira!

Vá, quem dá a volta?

Petra Pink disse...

hehehhe já pensaste publicar um livro? patifarias no chiado..... pensa.

Patife disse...

Barão Mervelho:
Ahahahahahah. Muito bom. A Petra Pink não resistiu. ;)

Petra Pink:
O Patife só pensará publicar um livro quando completar a sua principal fantasia, que será igualmente o título do livro e que todos bem conhecem: A Volta ao Mundo em 80 Cricas. ;)

Desejo Evidente disse...

Esse Chiado é uma rambóia...

Patife disse...

Desejo Evidente:
É pois. Rambóia é sempre que me armo em Rambo e me agarro a umas bóias. ;)

Aranhita disse...

Patife se calhar perdeste a parte do SIM lool

Patife disse...

Aranhita:
Ahahahaha. É bem provável. Mas lá está: A falta de sentido de humor tirou-me o tesão. ;)